inapta a viver de cabeça leve

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

férias

bom, 97% do que eu penso ou escrevo é reclamação e nas férias isso piora e muito! Eu odeio escola, odeio muito, odeio mesmo e acho que isso tá claro pra todo mundo...e eu realmente não sei como eu passei de ano sendo que não tinha presença o suficiente pra isso, mas ok. Bom, mesmo odiando escola, odiando acordar cedo, odiando aquele povo escroto e retardado e aqueles professores que gritam na minha orelha as 7 horas da manhã eu preferia estar indo pra escola..
Não, eu não bebi SAUHSHAU é que nas férias a falta do que fazer me irrita, se quando eu tô tendo aula eu já morro de tédio a tarde e fica inventando coisas inuteis pra fazer e comendo o tempo todo e caminhando na direção da obesidade imagina nas férias...
E outro detalhe, eu estou de férias, minha mãe está férias, meu irmão está de férias. Agora imagina que lindo é passar o dia com eles aqui, falando, falando, falando, falando...porque puta que pariu como eles falam!
Se minha mãe está de férias, meu irmão está de férias...minha mãe inventa passeios em família, resultado? eu querendo espancar até a morte alguém!
Fomos no shopping hoje, a idéia era assistir 'Gato de Botas'. Tá, beleza. Chegamos no shopping penha, tava cheio, logo não tinha vaga. Meu irmão precisava opinar até eu querer arrancar os olhos dele. 'mãe, mãe, vamo no G2' ' Cala a boca Victor' 'mas mãe, tem uma vaga aliiiii, vaaaaai' 'Victor, aquilo não é vaga'. Ele gritou tanto e encheu tanto o saco que minha mãe decidiu ir em outro shopping, em um que ela achasse vaga mais rápido porque senão a gente ia matar ele. No caminho pro Center Norte a briga foi por causa do rádio, até que tocou Eu Sei e eu dei um mini piti pra deixarem naquela musica e minha mãe DESLIGOU O RÁDIO! sim, ela desligou o rádio quando estava tocando fresno. Foi o motivo de eu ficar emburrada o resto do 'passeio'. Até ai neh, beleza...Chegamos, a mesma gritaria e os meus tapas enquanto minha mãe procurava uma vaga, ela achou. Entramos, meu irmão reclamando porque minha mãe tava falando que QUERIA (ela não disse que ia), comprar um tênis. Fomos até o cinema, meu irmão chorou porque tava com medo. Fomos até o Bobs, meu irmão reclamou porque queria Mc, fomos embora meu irmão chorou porque queria ficar. Chegamos em casa meu irmão puxou meu cabelo porque chamei ele de menina, levei uma bronca da minha mãe por ficar irritando meu irmão e eu e meu irmão descemos.
Lindo passeio não? maneiro!
O fato é, o post inteiro eu reclamei e porque? porque eu tô entediada e precisava fazer alguma coisa, e que coisa melhor do que reclamar?





ps. tentei achar uma foto melhor e que meu pai não tivesse, mas depois de um periodo passei a me recusar a tirar fotos então..

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

2011

devo dizer que esse foi o melhor ano da minha vida!
aprendi valores importantes, reconheci minhas amizades verdadeiras, de novo aprendi coisas a força mas se não é assim eu não aprendo..aprendi o que é amar, entendi que nem tudo tem porque.
amei, sorri, chorei, desejei, corri, pulei, gritei..


amizade não é uma palavra que define nós trés, nem sei mais qual definição podemos nos dar! eu não seria capaz viver sem vocês.



é, esse ano eu te conheci. Os números são assustadores quando eu penso que já fazem 10 meses... E nesses 10 meses eu só fiz besteira, só te machuquei, só te maguei. E me desculpar não vai adiantar...tenho sorte, muita sorte de ter te encontrado. Você tem uma paciência que ninguém mais tem, porque pra me aguentar néh?! Brigada por todas as gargalhadas intermináveis que tu me faz dar, por todas as histórias bestas, por todas as piadas idiotas, por toda a imensa paciência, por todas as explicações, por todos os abraços, por todos os beijos, pelo melhor dia da minha vida (04/09/11 *-*), por cuidar de mim porque se não fosse você...Brigada pelo melhor ano da minha vida. e ano que vem, você e o seu segundo sexto sentido, sua acetona no palito de dente..ops, algodão com azeitona, e seu poder de se comunicar com os animais marinhos vão continuar me aguentando ;)
eu te amo!


domingo, 25 de dezembro de 2011

somos suspeitos de um crime perfeito, mas crimes perfeitos não deixam suspeitos

quando eu to chatiada o melhor é ficar quieta, porque mesmo que eu tente ninguém vai entender, ninguém vai dar atenção, ninguém nem vai ler, então musicas melhoram minha situação

o certo é o que eu dancei sem querer dançar

sábado, 17 de dezembro de 2011

Na verdade 'nada' é uma palavra esperando tradução

preciso aprender...
a ser mais corajosa
a procurar menos
a simplesmente fazer o que eu quero
a entender
a não gritar
a ser mais calma
a escutar
a perdoar
a esquecer
a relembrar
a questionar
a aceitar




Diga a verdade, doa a quem doer.
Doe sangue e me dê seu telefone.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Mariana

ontem tivemos um dia bom, eu diria o melhor!
conversamos sobre tudo, todos, choramos e choramos de rir, comemos, fumimer UASHUS
e é incrivel como sem querer tu nota o quanto as pessoas são importantes, essenciais na sua vida.
sabe, já fomos tudo uma ao lado da outra, já fomos modernas, emos, idiotas, mentirosas, escandalosas, sinceras, lesbicas HUASHUSAHUSA
e vai ser assim pra sempre, dessa vez o 'pra sempre' não é forte demais, dessa vez sei que ele é possivel!


quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

over

as coisas se perdem tão rápido e tudo parece tão vazio, e tudo sem querer, tudo acontece rápido o suficiente pra nós só notarmos quando já acabou, quando tudo já se perdeu. as vezes tudo parece em vão.
e isso me assusta, porque tanta coisa eu não quero que se perca, tanta coisa eu quero que congele e fique, não diria 'pra sempre' porque pra sempre é muito forte e triste talvez, mas por tempo o suficiente pra que eu consiga aproveitar tudo, não esquecer de nenhuma palavra, demonstrar todo meu amor
eu amo tanto ele, eu amo tanto elas, e se tudo um dia parecer ter sido em vão como algumas coisas agora estão parecendo? não, não vou deixar, o que é meu é meu, e ninguém vai mudar isso.
queria ter mais oportunidades pra dizer do meu amor, pra dizer da minha saudade, pra dizer do vazio dos meus dias quando ele não está, pra dizer tudo o que eu não digo por birra, por medo, por vergonha, queria poder agarrá-lo e nunca mais soltá-lo
e quando a elas? somos irmãs de alma, e isso não pode mudar e elas e só elas são o meu pra sempre! só com elas o pra sempre não é triste, não é em vão, não é muito tempo.

eu os amo como nunca vou conseguir amar outras pessoas....

Gabriel, Bianca e Mariana <3


nem todas as frases do mundo poderiam dizer o que sinto !

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

r i d i c u l a r i d a d e !

acumular rascunhos, acumular rascunhos, acumular rascunhos, só isso que faço nesse blog...
eu não sei postar, já não sei do que falar, e do porque falar e de como explicar, eu sepá já nem tenho do que reclamar!
O ano tá acabando eu deveria ter um post imenso pra isso, fofo e triste, deveria estar pensando nisso, mas por algum motivo não estou nem aí.
Sei que ano que vem, sendo ano que vem ou não, quem eu quero vai estar comigo e então porque ficar falando todas aquelas coisas que não vão levar ninguém a lugar nenhum sendo que todo mundo já sabe o que sinto e do que vivemos e do quanto rimos!
Talvez uma leve tristeza no olhar de alguns alguéns esteja me incomodando, mas é só o que eu tenho pra reclamar dessa vez. Acho que finalmente aprendi que reclamar não resolve problemas que nem sequer existem.
Talvez eu tente postar algo sobre 2011, afinal foi o melhor ano da minha vida, mas não pelo que hoje eu acho que foi e sim pelo que foi de verdade, que no fundo eu sei que foi. Hoje, nesse exato momento, percebo que amigas não são amigas mesmo, e só colegas, que ano vem talvez continuem sendo amigas, colegas, mas não passará muito disso, e postar sobre elas e falar que amo, que vai ser pra sempre me parece tão tosco sabe? Eu amo muito elas, mas não é tudo isso, até porque não sei se sou capaz de deixar pessoas assim seguirem pra sempre do meu lado, não é muito o fato de saber que não vai pra frente e sim o fato de não querer que vá;
Acho que eu devo esse modo de pensar a Bianca, ela me ensinou valores importantes, no entanto, agora eu olho algumas pessoas fazendo coisas que pra grande maioria é normal e legal e pra mim é absurdamente ridiculo e patético. Antes, eu simplismente achava ridículo e patético, agora me irrita, agora eu sinto que tenho obrigação de dizer:' olha, isso é ridiculo...e patético'! O que seria a frase mais Bianca do universo, e que na época em que eu escutava aquilo dela, que hoje eu vejo que era ridiculo e patético mas num grau muito menor do que é o grau da ridicularidade que eu estou citando nesse momento , eu não gostava, na verdade, eu odiava e achava ela uma chata e evitava até fazer aquilo do lado dela pra não ter escutar aquilo. Mas agora, eu a entendo, e agradeço a ela mentalmente toda vez que percebo o quão ridiculo é tudo isso! Porque sério, se eu não cheguei nesse nivel de idiotice suprema, uma grande parte é graças a ela, e uma parte é graças a mim mesmo, porque acho que nasci assim em relação a isso, não conseguiria fazer certo tipo de coisas por eu não achar M E S M O  normal e até certo, pode até não ser errado, mas certo não é.
E ai, falando tudo isso eu me sinto levemente igual a elas, porque isso deveria ser dito para elas, mas elas não iriam entender,  e como dizer pra alguém que tu ama que ela é ridicula sabe? é, não néh. Seria necessário adaptar o pensamento pra que ele fosse dito, mas não daria certo de qualquer forma, então pra que néh?
Pensando melhor, talvez isso deve ser normal pra todas essas pessoas, e ai eu me sinto estranha, atrasada e frescurenta de novo sobre esse assunto. Mas isso não deve, não pode ser tão ruim! E o normal definitivamente não deveria ser esse.

sábado, 3 de dezembro de 2011

12 ANOS *-*

eu vou amar vocês até a luz do sol se apagar, enquanto houver ar pra respirar <3
E QUE VENHAM MAIS 12 *-*


quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Parabéns Lucas!

No dia 1 de dezembro de 1983, a exatamente 28 anos atrás nascia aquele me dá tudo o que eu preciso! A 28 anos atrás nascia o motivo do viver de milhares de garotas, a 28 anos atras nascia meu amor, nascia Lucas César Lima Silveira! *-*
Sem coisas fofas, o fato é PARABENS MEU AMOR!!
E eu sei que ele não vai ler, não é esse o sentido de eu escrever, não é esse o sentido de eu viver, não preciso que ele saiba da minha existência, fico feliz só de EU saber que ele existe e de poder ama-lo.
Que venham muitos e muitos anos de vida, muitos e muitos anos de sucesso que eu sei que virão, que venham muitos e muitos anos de Beeshop, de Fresno,  de Visconde, de SIRsir e do que mais tu inventar ...
Muita felicidade, muito dinheiro, muitos shows e blablabla...
Só quero realmente sua felicidade, porque eu vivo por você, sua felicidade é minha felicidade.
Então é isso Lucas, espero que tu aproveite muito teu dia, que aproveite muito seus 28 anos, que ano que tá vindo seja repleto de coisa boas pra ti, que tudo de bom possivel lhe aconteça.
Eu te amo MUITO Lucas, muito!
Parabéns Paraíba <3


quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Cores

'O mundo é cinza e vermelho'
será mesmo? será que é tudo como a gente enxerga? talvez o mundo seja mais justo do que possamos imaginar, talvez a história de 'tudo ter consequência' é uma forma deixar a vida mais justa e além disso 'aqui se faz, aqui se paga', e então o mundo continua tão ruim assim?




Cores malditas !

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Me apaixonei ...

...pelos meus ídolos!
não sei explicar, e isso prova ainda mais meu amor, minha paixão. Essas coisas não se explicam, se sentem e ponto. Ninguém vai poder entender nunca, é mais intenso do que quando você se apaixona por alguém...por que eu me apaixonei por QUATRO alguéns, e esses quatro alguéns não sabem que eu existo e eu passo todos os dias da minha vida desejando que pelo menos por um segundo eles me olhassem...mas não preciso disso pra me sentir feliz, não preciso do amor deles de volta, meu amor é gratuito.
é até doentio a forma séria com que eu falo de tudo isso! Eu vivo por eles como jamais vivi ou viverei por alguém, é a coisa mais intensa, magica, doentia e perfeita possivel, é o amor mais platônico que alguém pode sentir.
Os quatro? SIM! os quatro, pode ser que eu fale mais de um do que do outro em alguns dias, que eu tenha mais foto de um do que de outro, mas eu amo tanto os quatro, mais tanto que é impossivel pra mim escolher um. Cada um deles tão um papel tão essencial na minha vida...
É, Lucas, Rodrigo, Vavito e Bell eu amo vocês, com todo o amor que existe dentro de mim, com toda as minhas forças e me orgulho de tudo o que vocês fazem e eu não preciso de nada de vocês, vocês já fazem muito por mim! eu amo vocês, tanto <3

sábado, 12 de novembro de 2011

Não tenho medo de você

O dia tá escuro e eu procuro um meio de te dizer

Que a vida ta cansada e eu não aguento esse jogo de perder






quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Gabriel again

Minha vida está se resumindo a um dia : Domingo! Eu vivo em função do domingo, ou em função de qualquer dia que eu vá ver ele...estranho e até meio errado, mas verdade
Ele me motiva, se não fosse por ele talvez eu já tivesse desistido da escola, e talvez tivesse desandado de vez e concerteza estaria de castigo até hoje por causa daquele dia do pt.
Ele foi ganhando um espaço tão absurdo na minha vida sem eu nem me dar conta e hoje? hoje, minha vida é ele!
Todas essas bobeiras e frescuras, implicancias e briguinhas me fazem tão feliz, tão completa...
Tudo tomou um sentido novo aos poucos e agora tudo é diferente, tão diferente e tão melhor que chego a não me importar e as vezes até não querer lembrar de como tudo era antes.
Aprendi tantas coisas novas, entendi o que realmente se importar com alguém, percebi muita coisa, tudo é tão melhor desde quando ele me apareceu. E pensando em quando ele me apareceu...é tão estranho. Ele era mais um do meu msn, que fazia diferença porque só ele tava on as cinco da manhã pra eu contar do morcego que tinha quarto, só ele disse' siga sempre tente olhar para frente sem chorar' como resposta de algo que nem sabia o que queria dizer de verdade, e acho que só ele era tão inalcanssável, e olha só...eu tô com ele !
Depois de conversas msn e uma certa vergonha de falar 'oi' pra ele que até hoje eu não entendo muito bem, a gente danço falamansa no meio da rua (?), ele me contou uma história sobre estar comendo soverte com uma mão e estar com a outra no bolso, a qual eu não me lembro muito bem porque como de custume eu não estava lá muito sóbrea, depois de uns dias tentou me ligar 'tentei te ligar, mas você não atendeu, fiquei triste', e um encontro no shopping penha, que deu inicio a tudo de verdade ' cê tá brincando?'-'tô, ó...dá um tchau pra anna hickman' HUASUHSAS
'o que somos um do outro?' - 'você é minha e eu sou seu, gostei disso, tô tomando posse já ' sauhsauash -27/02
'então seguinte, se alguém te perguntar você é minha namorada' - 03/06
e tudo isso sempre me fez rir tanto, e todas as histórias dele sobre o avô dele e sobre o velho que ensinava inglês, ou até as vezes que ele não para mais de falar e sem querer eu paro de prestar atenção e fico olhando ele falar e pensando: 'nhont que lindo' e as vezes eu dou risada e ele fica bravo.E todas as vezes que cai no ' nossa sente o cheiro disso' ou ' e quando você coloca o caranguejo na agua quente ele aaaaaaaaaa' sahusauhshau. E todas as milhões de vezes que ele me fez passar vergonha cantando parabens no meio da praça da alimentação com a demente da Bianca e e tonto do Derek e todas as brincadeiras bestas pessimas que ele inventa e que sempre são tão estranhas que me fazem rir muito. e tudo, sem mais, tudo me faz feliz.
E todo esse ciumes bobo que deixa ele tão lindo, meu deus como eu amo isso *-* e toda essa implicancia besta com qualquer coisa é a coisa mais fofa do mundo, as vezes nem é comigo, as vezes não, sempre porque ele dá um jeito de implicar com tudo... mas é fofo do mesmo jeito.
e só sei que me tornei dependente, que conto as horas pra vê-lo, que não consigo dormir sem fazer trabalho porque sei que eu preciso passar de ano pra ELE ficar feliz comigo, só sei que não sei de mais nada além de do fato de eu amar ele.

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Um beijo!



Um beijo


Foste o beijo melhor da minha vida, 
ou talvez o pior...Glória e tormento, 
contigo à luz subi do firmamento, 
contigo fui pela infernal descida! 


Morreste, e o meu desejo não te olvida: 
queimas-me o sangue, enches-me o pensamento, 
e do teu gosto amargo me alimento, 
e rolo-te na boca malferida. 


Beijo extremo, meu prêmio e meu castigo, 
batismo e extrema-unção, naquele instante 
por que, feliz, eu não morri contigo? 


Sinto-me o ardor, e o crepitar te escuto, 
beijo divino! e anseio delirante, 
na perpétua saudade de um minuto..

Olavo Bilac



segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Lana Del Rey

eu a Bianca mongando em casa descobrimos uma mina muito foda, linda, canta muito e é uma vibe meio Amy Winehouse *-*


ela é totalmente 'criada' segundo ela mesmo, essa mina é foda ashusauhuhas


é, só queria mostrar ela, porque ela é do caralho, sem mais *-*






4 years

Eu estava voltando da escola, como todos os dias, estava conversando mas por algum motivo fiquei séria, não quis mais conversar e quis chegar logo em casa, as pessoas estavam me irritando, eu não queria mais falar sobre coisas dessinteressantes pra mim, eu queria minha casa, queria comer, dormir e só.
quando finalmente cheguei em casa, era 13:30 mais ou menos e tudo estava normal, minha vó me esperando com a comida feita, o Hassan assistindo tv no meu lugar do sofá e meu irmão na escola. Comi, e fui dormir, as 16, como de custume acordei pra estudar matemática, acordei não, fui acordada...e levantei do sofá com aquela cara de 'te odeio'. Foi o tempo de eu sentar na mesa e colocar o lápis na folha, o telefone tocou. E lógico que eu ia atender, assim eu não estudava. Era a minha mãe, ela tava falando estranho, assustada e não me perguntou nada, nem falou alô, só disse:' passa pra sua vó agora Letícia' e eu escutei pessoas falando de fundo, como eu sou bem da curiosa :' porque mãe? que foi?'- 'passa pra sua avó agora Letícia, por favor' e nessa hora ela parecia ainda mais assustada. Minha vó pegou o telefone da minha mão depois de eu ir até a cozinha e a estender ele. Minha vó sempre foi muito doida, pior que eu até, e na hora que ela atendeu e falou:' que foi fia?' e percebi que minha mãe tinha respondido, a expressão da minha vó mudou e ela fez :' am?' e saiu de perto da gente, que a essa altura já tinha juntado os três bonitinhos em volta dela pra entender o que tava acontecendo. Eu fui pra perto e escutei ela falando :' ai meu deus do céu, precisa contar pra eles, não pode esconder, até porque...eles precisam ir ai', nessa hora eu assustei, achei que era algo com o meu pai e na hora me bateu o remorço de todos esses anos ter sido tão ruim com ele por simples birra. Na hora comecei a chorar, e enquanto isso o Victor e o Hassan falando de pokemon na sala, e eu esperando minha vó vim falar o que tinha acontecido e pensando no que o Vi faria...e quando minha vó saiu do quarto ela falou com uma naturalidade tão grande que eu cheguei a não entender. E me senti aliviada por pelo menos saber que não tinha sido com o meu pai, fui tomar banho, eu teria que sair...Na metade do banho me dei conta de que tinham me dito que seu corpo tinha perdido a vida, mas mesmo assim fiquei sem entender. Terminei meu banho, passei meu lápis no olho, peguei minhas pulseiras, coloquei meu all star e comi chocolate, em mais ou menos 20 minutos de espera meu tio chegou... ele não falou com a gente, com ninguém, simplismente parou o carro na frente da casa da minha vó e entramos, meu irmão que não entendia o que tava acontecendo, ria e conversava enquanto meu tio e eu não diziamos nada, não riamos e nem sequer nos mexiamos, chegamos no meu pai, e minha mãe tava sentada lá fora, com cara de nada, eu sai do carro e ela perguntou se tava tudo bem e eu super sincera falei ' tudo ué', e ela pegou meu irmão no colo, eu entrei sem perguntar se podia, até porque é meu pai, porque eu bateria, perguntaria, ou hesitaria ? quando abri a porta ele estava sentado na cama, olhando pro nada, chorando, e tão distraido que não me notou. 'que foi?'-' vem aqui!' e abraçou, e foi a primeira vez que o vi chorando, e naquela hora eu entendi o que tava acontecendo, era pior do que ter acontecido algo, era a morte de alguém, era o fim de uma vida, era o adeus a alguém que cuidou de mim e me viu crescer, de alguém que me defendia, me matava de rir e brincava comigo, era o adeus a alguém que nunca tinha me deixado, a alguém que me amava e tinha planos comigo pra dali muitos anos, era o fim de alguém que não veria meus quinze anos, não me veria na faculdade, ou simplismente crescendo, era o fim de alguém que não poderia colocar defeitos nos meus namorados ou dar risada das minhas brigas na escola, era o fim da vida de uma das pessoas mais importantes que eu conhecia.
meu pai e minha mãe não estavam conversando e eu não tava entendendo aquilo, na verdade eu não tava entendendo nada, ali ninguém falava, ninguém se olhava e parecia errado perguntar. Entramos em outro carro e deixamos meu tio ali, com uma garrafa de cerveja na mão, sozinho...ninguém perguntou se ele queria ir junto, ou foi dar um abraço nele. então eu fui, e então vi ele chorando, não foi legal! mas ele me abraçou e falou que ia me ajudar lá na minha vó, e eu também não entendi o porque ele teria que me ajudar na casa da minha vó, mas quando eu passei pela porta e vi aquele monte de gente sentado no sofá em silêncio enquanto cada irmão estava num quarto chorando de dar dó e minhas primas sozinhas na cozinha, pensando no que fazer.
Meu tio, foi até elas comigo e disse pra ir pro quarto da minha vó dar um abraço nela, depois disso ele saiu pela porta e só fomos encontrar ele no cemitério, com o olhar distante. Ao chegarmos no quarto minha vó não parecia a mesma, ela tava agarrada a uma blusa dele, chorando como nunca antes, e percebemos ou achamos simplismente, que era melhor não ir abraçar ela, isso ia piorar... pegamos os nossos desenhos, eles ficavam do lado esquerdo da cama, do lado que ele dormia, tinha alguns colados dentro dos armários, e outros reconstruidos com durex depois das nossas brigas. fomos lá fora e fizemos daquele momento algo tão divertido, lembramos de cada dia, e de cada coisa que ele falava e riamos!
fomos pra cemitério e a essa altura eu já não tava me importando em entender, só em sair dali. Decidimos não entrar no velório e graças ao meu lindo tio espertão ficamos no carro, os cinco, sozinhos, com medo mas rindo.
Depois de muitos dias fui entender o que tinha acontecido, mas sabe foi injusto. Você ainda tinha tantos netos pra cuidar, pra implicar com a roupa e falar mal dos carinhas da tv que agente gostava, ainda tinha tanta briga pra botar fogo e tantas cócegas pra fazer, ainda tinha tantos dias pra me levar escondido no mc, tinha tantas noites pra assaltar a geladeira comigo e com as meninas, tantos natais e anos novos com brincadeiras e som no ultimo volume que irritava a todos menos ao senhor, tinha tanto pra viver...
e hoje, faz 4 anos que não me fazem mais cócegas, me pegam e não me soltam mais, que não me chamam de princesa com aquele tom ironico, que não me dizem que sou meiga só que gosto de fazer ao contrário pra fica mais estiloso,  que não dão risada quando falo que tô triste, que não me levam pra fazer idiotice, que não vão assistir filme e dormem no meio e depois dizem que estava só descansando os olhos, faz 4 anos que não me acordam com barulho de panela organizado, ou me obrigam do jeito mais besta a comer salada, faz 4 anos que não riem quando eu saio cuspindo leite porque minha prima me fez rir, faz 4 anos que não dão risada quando eu e minhas primas quase se matamos, faz 4 anos que não tenho mais meu melhor amigo, o velho mais legal do mundo, o gordinho mais lindo, dono dos olhos mais lindos e mais sensual néh UASHSUHSA faz 4 anos que todo ano me dá um aperto no coração, faz 4 anos que o senhor não vê mais agente crescendo, faz 4 anos que não ganho mais barbies, faz 4 anos que o senhor não fica tirando da minha novela, e 4 anos que a familia não é mais a mesma.
mas pode passar 20 anos, 30, 40 que vou lembrar de você do mesmo jeito, com o mesmo amor e sentindo a saudade apertar cada vez mais!

sábado, 5 de novembro de 2011

mera lembrança da esperança

é tudo tão maior do que eu posso aguentar, é tudo tão frio...mais frio do que eu o que eu possa sentir.
e o tempo passa e eu percebo nessas horas que continuo sendo a mesma tonta de sempre, que nada mudou, a não ser o fato de que percebi que nasci e vou morrer sendo otária dos outros (:
desisti de coisas que eu nunca desistiria, me esforcei pra deixar de fazer coisas que sempre fiz, deixei de lado pessoas essenciais, tirei a razão de amigos, não escutei quem sempre fala o certo e segui do jeito que eu 'achava'. Mas eu já devia ter aprendido que o jeito que eu 'acho' não é o certo..
foda-se não faz mais sentido nada disso!

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Save me

tentei escrever algo, mas nada saiu .-.


não pretendo te iludir, dizer que isso vai durar pra sempre, não pretendo te enganar, até o meu coração não bater mais ♪

sábado, 29 de outubro de 2011

Use tudo e todos que você quiser


Já não somos mais,
Tão inocentes,
Por deixar pra trás...

Este inferno de amar


Este inferno de amar — como eu amo! 
Quem mo pôs aqui n’alma… quem foi? 
Esta chama que alenta e consome, 
Que é a vida — e que a vida destrói — 
Como é que se veio a atear, 
Quando — ai quando se há-de ela apagar? 
Eu não sei, não me lembra; o passado, 
A outra vida que dantes vivi 
Era um sonho talvez… — foi um sonho — 
Em que paz tão serena a dormi! 
Oh! que doce era aquele sonhar… 
Quem me veio, ai de mim! despertar?
Só me lembra que um dia formoso 
Eu passei… dava o Sol tanta luz! 
E os meus olhos, que vagos giravam, 
Que fez ela? Eu que fiz? — Não no sei 
Mas nessa hora a viver comecei…

Almeida Garret



quarta-feira, 26 de outubro de 2011

O que você precisar se encontra em você!


E todos os dias quando vou dormir penso em vocês, e todos os dias quando fecho os olhos espero poder vê-los em meus sonhos e todos os dias eu desejo estar com vocês, e todos dias eu os amo com todo o amor que existe dentro de mim e nada nunca vai ser capaz de entender ou de acabar com isso que sinto, porque vai além do que posso explicar, além do que possam entender...minha vida tem um sentido, e esse é vocês. Vocês são o que eu sou, vocês me dão força, vocês que eu amo e é por vocês que levanto todos os dias ... não preciso que vocês me amem, não preciso de nada de vocês, vocês já fazem muito só existindo, vocês me entendem e me confortam de uma maneira que ninguém mais pode fazer, vocês são tudo e sempre serão.
não são só uma banda, não são só homens, não são só poetas, não só musicos, são a vida de milhares de garotas apaixonadas como eu. As vezes chego a pensar que sou realmente apaixonada por vocês, e o pior não só por um, pelos quatro, é tanto amor, tanta vontade, e tantos sonhos, já não existe um porque de eu tentar explicar, porque sei que só uma fã como eu pode sentir o que sinto e entender quando digo que VIVO POR VOCÊS!


...vocês são o que sou, vocês se encontram em mim e é só de vocês que preciso ;D

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Porque você insiste em dizer que ainda existe vida ?


Quando você não esperar vai doer, e eu sei como vai doer e vai passar como passou por mim e fazer com que se sinta assim, como eu sinto, como eu vejo, como eu vivo, como não cansso de cantar, eu sei que vai  ouvir, eu sei que vai lembrar, vai rezar pra esquecer, vai pedir pra esquecer, mas eu não vou deixar, eu não vou deixar!





(...) Só Pra Lembrar !?

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

o destino não é algo que você possa controlar

e as duas lágrimas desapareceram, a do meu peito e do meus olhos...mas ainda não sei a resposta Lucas. ainda não sei como se faz pra proceder ...
Eu vim aqui disposta a postar algo que eu realmente esteja sentindo, mas não sei extamente o que estou sentindo, estou aqui escrevendo sem um determinado assunto em mente, eu denovo com muitos assuntos, mas tudo muito vago, muito simples pra que eu possa falar sobre ..
Nos ultimos dias eu estive pensando muito, mas como eu já disse, tudo foi muito vago. Pensei sobre tudo ser questão de opnião, sobre finais felizes, sobre o sobre a mina lá que tinha que escolher entre o pierro e o cara gatinho, pensei sobre comentários, pensei sobre amizades, pensei sobre amor e pensei sobre crescer.
eu sempre notei que quem está comigo, independente da forma do 'estar' quer me ajudar a crescer, então assim de duas uma, ou sou MUITO burra ou sou muito fofa suhahsu, a primeira opção eu sei .-. Enfim, no meio dessas tantas pessoas que me ajudaram, ou querem me ajudar a crescer e ser melhor, teve uma que cismou totalmente com isso, e chegava até a ser um pouco chato, eu gostava, eu amava, mas hoje eu vejo que era chato..enfim, essa pessoa me ensinou a maior parte das coisas realmente importantes que sei hoje, mas ai eu vejo que ela me ensinou uma coisa que nem ela mesmo aprendeu sabe? Parece estranho, mas isso é tão real, eu aprendi, eu sofri pra aprender, e a pessoa que me ensinou nunca entendeu realmente o que tinha me ensinado? chega a ser injusto e um tanto quanto triste. Porque quem vai ensinar pra ela? tenho até um pouco de medo de como vão ensinar, porque se ensinarem do jeito que me ensinaram não vai ser um aprendizado agradavel.. enfim, pensei sobre isso .-.
sobre finais felizes...o que seria um ? se nada é pra sempre não existe jeito de termos um final feliz e o final feliz nunca é o mais bonito...então respondendo ao comentário do anonimo do mal no post dos finais felizes...NÃO, não quero que tenhamos nosso final feliz! independente de quem você seja, eu não quero ... mesmo que seja 'pra sempre' a morte vai separar e o 'eterno' doi mais do que quando o pra sempre acaba, acho que alguém que lê aqui pode entender o que quis dizer .-.
sobre a historia da minazinha, vou explicar... Um cara muito gato e sensual HSUAHSA me contou uma historia, eu não lembro exatamente e alias já esqueci o nome dela, mas pra que nomes neh? AUHSAS, bom.. era uma mina que ficava andando sei lá onde e conversava com um manolo só que ela nunca via ele porque tinha um bangui, não era parede, era tipo arvore sabe? enfim, ela não via ele, mas se apaixonou por ele e o nome dele era Pierro (sei la como escreve), ai ela conheceu o Alecrim (aha, lembrei), e ele era gato, mas era chatão, e o Pierro era feio, mas muito legal e inteligente...e os dois gostavam dela..Com quem ela ficou? quem ela escolheu? e adivinha?! é, não tem resposta .-. isso fica na mente depois e foi dai que comecei com essas ideia de final feliz..
pensei sobre amor..quando briguei com ele, ele disse 'não quero que tu fique comigo só porque tem medo de perder o que tem!' mas pera, amar não inclui ter medo de perder? cheguei meio que a conclusão de que ter medo de perder é de certa forma consequencia de amar...porque você pode ter medo de perder sem amar, estar com alguém só porque é legal e ponto. isso me deixou confusa, fez até eu pensar que não amava, mas sei lá, apesar de que eu ainda não descobri o que é amar, eu imagino que seja o que eu sinto, mas não sei dizer o que é sabe? Pensei também sobre o fato de em uma relação mesmo sem querer existe um coitado que ama mais do que o outro, NUNCA é igual o amor, NUNCA, e isso acontece sem querer e sempre quem se fode é o que gosta mais, obvio..
fiquei chatiada com a ideia de terem vergonha de mim, acho que sou mesmo muito doida e escandalosa, pra terem vergonha e perguntarem :' nossa como vc aguenta?' é porque eu devo ser exageradona mano .-.
fiquei feliz de ter visto meus amigos no sabado, muito feliz *-*
é...só .-.



é Rodrigo, eu te amo e você nem sabe disso, mas tudo bem, você não sabe que eu existo, mas tudo bem, você não me ama, mas tudo bem, o que realmente me importa é que eu sei que você existe, eu sei que te amo, eu sei o quanto te amo...e isso basta pra mim <3

sábado, 22 de outubro de 2011

terça-feira, 18 de outubro de 2011

tentei ser como eles todos tão iguais...


então me diz Rodrigo o que eu posso fazer pra te ter dentro da minha vida e fora do meu twitter ♪

SUAHUASHUSAHSAH


os meus dias seriam melhores se todas as noites eu sonhasse que recebia seu abraço, todos os dias eu acordaria de bom humor e amando o mundo ... *-*

sábado, 15 de outubro de 2011

Sem razão, sem motivo

algumas coisas vão tão além do que eu posso explicar, vão tão além das palavras que eu sei, e eu já nem sei se tenho razão em pensar assim, eu já nem tenho razão em querer ter razão.
o triste mesmo é você não ter direitos de estar triste, é tu não ter reais motivos pra todo essa drama que tu faz e quer que tenha algum sentido.
eu tenho uma familia, uma cama quente, amigos e muito amor de todos e então o que me falta? o que te falta? noção e razão talvez..
um bando de crianças ou como acham que devem ser chamados, um bando de adolescentes que tem tudo e só reclamam da vidinha perfeita que teem e tentam achar achar drama em qualquer coisa.
eu não tenho razão, você não tem, ninguém tem.
as vezes eu acho que ele tenha um pouco, e se ele tem porque é dificil acreditar que ele é só mais um mimadinho na minha vida? acho que eu amo demais quem eu não deveria, e escrevo demais o que não deveria também...
pra começar se fosse doente mesmo não ficava espalhando pra meio mundo que tem problema e que toma remedios pra isso, isso tá me parecendo vontade de dar culpa nos outros ou algo do tipo, se fosse triste amava mais os amigos e se não fosse mimado não fazia o que faz.
se eu tivesse vida não ficava nesse blog postando besteira, se tivesse amor a mim mesma eu calava a minha boca, e se tivesse a minima noção de tudo não tava aqui falando isso. Mas sou só mais uma piveta sem noção e um tanto quanto revoltada sem motivo e querendo explicar suas teorias de pessoa que tem tempo demais pra fazer nada e então fica achando motivo pra briguinha ridicula com os outros que conseguem ser ainda mais ridiculos que eu.
eu não tenho nenhuma razão e nunca vou ter pelo simples motivo de amanhã eu estar abraçando ele e perdoando o outro babaca que também não tem nenhuma razão e não vou estar fazendo isso por falsidade e sim por amor e vontade de ter amigos melhores e que realmente sejam o que dizem ser pra mim...




eu estou tão perdido quanto você ! ♪

Alguém que te faz sorrir


a felicidade de vocês é minha felicidade, suas lagrimas são as minhas, seu sorrisos me enchem de alegria e meu amor é inexplicavel *-* 

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

MFC

tudo tá se perdendo, tudo tá deixando de ser, amigos não são amigos, namorados não são mais namorados, as pessoas não são mais as mesmas. Não sei porque essa necessidade de querer ser mais do que é, de se fingir. Lembra de quando todas nós eramos iguais, não iguais, mas simplismente amigas. Lembra quando nossa maior diversão era uma gaveta ou a ideia de sermos uma coisa que não eramos? lembra quando acreditavamos em velas, e achamos que foda mesmo era quem tinha o cabelo repicado? lembra quando amor nenhum era maior que o nosso? lembra do que significa amizade?
cada um tem seus motivos pra ser o que é hoje, cada um tem o porque te ter se distanciado, mas sinto falta de tudo como era antes, sinto falta de quando nos juntavamos pra falar nada e acabavamos rindo durante horas, sinto falta das nossas bobeiras e das nossas graças de ficar se batendo, sinto falta das noites em que durmiamos uma na casa da outra e passavamos a noite fazendo idiotice, sinto falta de quando vocês me abraçavam com vontade, e das tardes mais bestas da minha vida, sinto falta de vocês D:



terça-feira, 11 de outubro de 2011

tudo pode estar lá e eu aqui ♪

o amor é incondicional até descobrir o que outro esconde no porão que é pra ninguém ver, mas acredite quando eu digo, seja feliz! Você nasceu pra ser espinho e eu cicatriz ...


eu te amo como nunca jamais alguém poderá amar, eu te amo Lucas César com todo o amor que existe dentro de mim, eu te amo com todo o amor que eu posso te oferecer, eu te amo absurdamente <3

sábado, 8 de outubro de 2011

Gabriel

eu sempre faço tudo errado, eu não chego nem perto do que eu quero ser, e nem nunca vou chegar. Você não tem motivos pra me amar, mas mesmo assim me ama, mesmo assim está aqui, me ajudando a ser melhor, mesmo sem motivos você continua aqui, mesmo sem porquês você não me deixa... Você aguenta minha futilidade, minha bobeira, minha burrice, e meio modo estranho de ver as coisas, aguenta minha mente de 15 anos e todas as coisas que eu tenho mania de fazer, você aguenta meus comentários ruins, minhas perguntas idiotas, minhas tentativas fails de ser interessante ou legal, aguenta meus amigos, aguenta minhas paixões por pessoas que não sabem da minha existência, e mesmo assim eu ainda duvido de tudo, eu ainda ponho em duvida o que você diz sentir e acho que você não tem direitos de ter duvidas, de ficar chatiado..
Todos os dias eu implico com algo diferente, todos os dias eu encontro um motivo inexistente pra não te amar, todo dia eu tento me convencer de que você não é bom pra mim...Mas sabe, tudo isso, porque eu nunca encontrei alguém tão bom, tão imperfeito pra mim, alguém cujo até os defeitos me agradassem... talvez seja por isso que em todos os dias da minha vida busco não te amar, talvez seja por medo de tu perceber tudo e ir embora..
Apesar de cada merda que eu faço, você nunca me magoa, nunca me deixa, você me recompensa por tudo, você me dá as melhores coisas que alguém poderia me dar..a algum tempo que tu faz isso já, se não fosse minha maldita mania de datas poderia até dizer que a muito mais tempo do que realmente faz isso acontece, eu poderia dizer que você está do meu lado desde...desde que eu sou feliz. e a data? e a data já não me importa, na verdade, eu já nem gosto de dadas, elas me dão medo, me dão tanto medo do março...o março que pode ser em março, ou pode ser amanhã, não ligo pra quando vai ser, mas um dia ele vai acontecer, e isso me preocupa, e isso me assusta.
depois de um tempo, nada que eu diga faz diferença, eu já notei, as pessoas depois de um tempo param de ler o que eu escrevo, param de dar atenção ao que eu digo..apesar de você sempre ter dado algum tipo de atenção, você dá a atenção errada. Mas não sei se isso é um problema pra mim...
Entre as suas faltas de motivo pra me amar, existem milhoes de motivos pra eu te amar, e toda vez que penso  nisso eu até me perco nas coisas boas que posso lembrar, até me perco na quantidade de gargalhadas que você já me arrancou e me sinto bem, por saber que pode acabar amanhã, mas pelo menos, eu vivi.
queria poder te dar algum motivo pra me amar, mas desculpa, não tenho nenhum a te oferecer, não tenho nada a te oferecer.
só estou feliz porque pelo menos aconteceu, pelo menos eu te tive durante varios dias 27's, pelo menos eu te tive por varios domingos, pelo menos você foi meu algum dia...
se minhas palavras não valem senão provadas, elas nunca valerão, se meu 'eu te amo'  não conta se eu não demonstrar, talvez eu nunca consiga dizer o que sempre quis dizer..porque, eu simplismente não sei fazer isso.
e acho que é por isso que ninguem acredita em mim, porque eu não sei fazer isso.
Minha mãe sempre falava 'não sabe fazer? vai estudar leticia' tudo bem que isso servia pra matéria de escola, mas é a mesma coisa néh? ela falava, mas eu nunca ia, e mesmo assim consegui passar de ano, mesmo assim fui pra frente e nem eu e nem minha professora ainda sente falta de notas maiores ... Talvez eu sentisse no começo quando eu ficava de castigo por isso, mas quando meu castigo acabava eu só pensava que tinha valido a pena eu não estudar e ficar fazendo outra coisa... nesse caso, pra eu poder te mostrar eu teria que ser alguem que eu não sou, teria que me esforçar além de um simples estudo, iria além de sentar numa mesa por uma hora e ler um caderno..
eu sou assim, não sei, desculpa.. mas a unica coisa que sei fazer, que é escrever, e nem isso direito, mas o pouco que sei as pessoas não leem, não se importam ou se importam de forma errada.
denovo, só estou feliz porque vivi...

Hurt


uma das piores coisas é você se decepcionar com quem você mais ama, você espera que aquela pessoa vai estar com você a todo segundo, que vai te dar um ombro pra chorar quando tu precisar, que ela vai te oferecer um abraço quando você quiser só um abraço e não quiser falar sobre mais nada, ou pelo menos tu espera que essa pessoa que convive contigo a tantos e tantos anos perceba que você não está bem. Mas ao invés disso, a pessoa te esnoba, te xinga e nem nota o quanto você precisa de um abraço e nem percebe que você só foi até lá porque queria uma amiga, uma amiga que não existe mais a algum tempo...

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

As pessoas deviam ser mais legais umas com as outras, mais calmas, escutar mais, sentir mais, viver mais, curtir mais, rir mais. Todo mundo leva tudo tão a sério, ninguém ri das mesmas bobeiras que eu, ninguém mais vê o mundo do mesmo jeito idiota que eu vejo. E é tão bom, mais tão bom quando faço alguém rir das mesmas idiotices que eu, mas não rir por rir, dar aquela gargalhada gostosa, e você sentir que pelo menos pra alguma coisa serviu na vida daquela pessoa, que pelo menos uma vez você fez alguma diferença. Faz tempo que não me sinto assim, tô me sentindo meio sozinha e acho que pelo fato das pessoas estarem começando a se achar velhas demais pra rir de tudo e levar as coisas muito mais a sério,as vezes coisas que não precisavam ter tanta atenção. O importante é que eu acho que estou aprendendo bastante coisas nos ultimos dias, tô me sentindo sozinha, mas é um sozinha diferente, até bom eu diria, é bom estar sozinha e aprender a não ser triste por ser sozinha, porque você nunca está realmente sozinha...O mundo vai além do que eu posso enxergar e isso me conforta e me desanima as vezes, mas ultimamente tem me confortado mais do que desanimado.




Rodrigo da Fonseca Tavares, meu amor por você vai além do imaginável <3

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

sábado, 1 de outubro de 2011



cantando bem ou mal, sendo estranhos ou não, faltando o tavares ou não...
cuper e lezo *-*

não consigo não pensar em vocês, nem por um segundo <3

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

there's nothing left to say


enquanto a sua ida puder fazer alguém chorar é sinal que a sua vida ainda não deve acabar

Frases engasgadas

oun, coisa mais gostosa *-*
nada, nunca, vai ser capaz de entender, de sentir, o que sinto por vocês, nunca nada vai ser capaz de preencher assim...nunca, nada me deu mais alegria do que vocês.... eu amo vocês como nunca amei ou vou amar alguem, Rodrigo Ruschel Nunes & Lucas César Lima Silveira <3


-----------------------------------------------------------------------------------------------------------


talvez o normal pra mim não seja o normal pra ti, isso não é bom néh?! se em menos de uma semana tu anotou 2 coisas acho que o verso daquele papel não vai demorar muito pra ser preenchido. Mas o que me preocupa não é o verso do papel ser preenchido é o porque você está colocando um papel na historia, você sabe tanto quanto eu que o papel não vai demorar pra se preenchido e então? não valerá mais a pena? e se não valer mais a pena? o que você vai fazer? o que você vai dizer? 'então neh, é isso ai, tchau, vive ai a sua vida porque neh, você preencheu o papel' ?
as coisas que eu faço podem até ser erradas, ou falta de respeito como você diz, mas é normal pra ti uma relação depender do verso de um papel? Eu não sei, mas meio que me pareceu desculpa, porque você sabe tanto quanto eu que não vai demorar pro verso, pra frente, pro lado, pro meio, ser preenchido...
só uma pergunta : ainda é como antes? passado 7 meses, você ainda acha realmente que é como antes? ainda me vê da mesma forma? ainda sente a mesma coisa ? só pensa sobre isso...e pode continuar com o seu papel, só achei meio estranho essa idéia sua .-.
e pra mim, ainda é como antes, só não quero que tu finja uma coisa que não existe !

-------------------------------------------------------------------------------------------------------

as pessoas não se contentam só em serem ridiculas, elas precisam ser ridiculas e levar os outros junto com elas e suas historias idiotas e tristes, porque chega a ser triste uma pessoa inventar tanta coisa, é tão desnecessário isso. E o mais engraçado é que se vê no direito de vir falar de mim, de querer achar que é o certo. Eu do fundo do meu coração tô me esforçando MUITO pra ignorar. E mano, quando essa ceninha toda, quando essa guerrinha toda vai acabar? nunca ? porque é o que tá acontecendo, parece que briga nenhuma nunca foi resolvida, parece que só damos pausas pra descanço...é triste, é de dar dó a forma como tudo se perdeu, de dar nojo o que você se tornou, querido. Olha pra você, para um segundo e olha pro que você se tornou, um coitado, mentiroso, sujo, ridiculo, troxa, SEM AMIGOS, porque não vá pensando que essas putinhas que ficam atrás de ti só porque tu usa calça apertada são suas amigas, não vá pensando que elas te amam meu amor, porque você sabe que amor vai bem além da roupa que tu usa, ou melhor, não você não sabe HUASUHSA, você nunca amou ou foi amado, as pessoas nunca viram quem é você de verdade, e você nunca conheceu alguem que pudesse amar você de verdade! O que você é? alguem realmente te conhece? engraçado que antes todoooo mundo se odiava e eu ficava no meio da briga, apoiando cada um, sendo o mais fofa possivel, o mais amavél que podia, a melhor amiga, eu era e sempre fui o melhor que podia pra ti, ou pra essa pessoa que você finje ser. O que me conforta é saber que tu vai terminar bem sozinho, bem triste, porque eles não são seus amigos, eles mentem pra você, eles te enganam, mas tudo bem, porque tu também faz isso com eles neh?! alguem ali naquele grupo é verdadeiro um com o outro? ashuashuasuhas um dia, eu sei que um dia vocês vão notar o quanto eu amo vocês, serio .-. alguem precisa abrir os olhos naquele lugar, o que vocês tão fazendo com vocês mano? não foi vocês que eu conheci, não são vocês que eu quero comigo, não são vocês que passaram tanto tempo do meu lado...mataram aqueles meus amigos, botaram outros no lugar, outros que são arrogantes, metidos, ridiculos, irracionais, idiotas, burros, retardados, iludidos...


quinta-feira, 22 de setembro de 2011

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Random

eu acordei, passei o dia, e estou absurdamente sei lá. sim, eu to sei lá! é uma coisa que não sei explicar direito.
Eu vim pra cá sem saber o que postar, eu tô com uma pergunta na cabeça desde a hora que o Acesso Mtv acabou :' O que você faria se fosse o ultimo dia da sua vida?' ..
enquanto perco tempo pensando nisso, esse pode estar sendo meu ultimo dia.
Não acho que tenha sido isso que me deixou sei lá, mas foi isso que piorou. Talvez seja porque as pessoas que penso querer estar no meu ultimo dia concerteza nem pensariam em mim no ultimo dia delas.
tô me sentindo sozinha, passo a tarde toda em casa, no escuro, na frente desse computador, conversando com um bando de gente que não se importa e nem nunca se importou comigo
eu não sei sobre o que postar, e pra que postar sobre algo? não faz sentido...
Talvez eu já tenha a resposta pra minha pergunta.
o lado bom de tudo isso, é que posso morrer agora, que o fato de eu ter te conhecido ninguem pode mudar, e morrer sendo sua seria a melhor coisa!

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

I give my heart to you

a nossa historia é agente quem faz, mas eu ando fazendo a minha tomar o rumo errado, ando fazendo tudo errado, e depois que tu fez a merda não adianta tentar concertar, a pessoa sempre vai lembrar das suas mancadas, mais até do que as coisas legais que tu fez pra ela. Se é que algum dia eu fiz algo legal pra alguém...
quanto mais eu tento ser melhor, mais coisas idiotas e ridiculas eu faço; quanto mais tento não falar coisas futeis, mais coisas fúteis e até piores do que as de antes eu falo... Quanto melhor e mais merecedora do que tenho eu tento ser, pior eu faço e menos merecedora me torno. Será que é tão dificil assim fazer algo certo? ou será que eu tenho demencia e não consigo por isso?
o fato é, uma vez me falaram que eu não tinha que crescer pelos outros e sim por mim mesma, que não tinha que ser melhor pelos outros e sim por mim mesma, mas é meio dificil crescer sem porques, eu pelo menos sou acomodada o suficiente pra ficar pra eternidade sem ir pra escola, sem arrumar meu quarto, sem levantar da cama, e se não obrigada a nada, nada eu faço...
Talvez eu tenha sido criada pra arte do fazer nada...nada certo neh?! porque se eu não fizesse nada, eu não saia do zero, mas pelo menos não ia pro menos um... O pior não é a bronca dos outros, a opnião dos outros e sim a minha, e sim parar e me enxergar e pensar:' mas que porra é essa?', o pior é estar chatiada com as coisas que eu mesma faço.
não consigo nem por um segundo fazer as coisas certas, nem em pensamento, meu pensamento já tem rumos errados. Outro dia eu tava pensando sobre o que era certo e o que era errado, cheguei a conclusão mais obvia possivel, que o certo e o errado varia entre as pessoas. Mas ai eu penso de novo, todo mundo sabe que errado mentir, tem alguem que não ache isso certo? não, mas as pessoas que sabem que é errado mas são a favor de mentiras quando elas o beneficiam, mas sabe que é errado. Sendo assim tudo é certo quando você tira algum proveito disso, certo pra ti, mas é.
'faz o que você achar certo', eu vou achar certo o que for melhor pra mim, sendo errado ou certo o que eu sair ganhando eu vou escolher, ninguem é idiota. São poucas as pessoas que sofrem pelo certo, e eu fiz isso, mas parece que ninguem percebeu, foi a unica coisa que eu consegui fazer certa, a unica coisa que foi pro lugar que eu queria, pode ter sido a coisa mais "fácil", mas pra mim foi a pior, uma palavra resolveria, mas eu estendia a frases, a textos, a blogs, a choros, a falsas amizades, a telefonemas e a mentiras pra que tudo ficasse certo, eu errei pra fazer o certo, mas fiz, pelo menos uma vez eu fiz o certo, eu aguentei e fiz o certo. Mas ai eu pergunto, alguem percebeu? não, e eu continuo tentando fazer uma coisa certa que todo mundo note o meu esforço, que todo mundo se orgulhe, eu continuo tentando fazer alguem notar que eu me importo, continuo me esforçando sem nenhum resultado, e derrepente eu estrago tudo, e como se não bastasse estragar uma vez, eu estrago uma seguida da outra, uma com um grau pior do que a outra, uma magua seguida da outra, e quando eu tento mostrar que to me esforçando parece que é a maior mentira que podia ter contado, mas ninguem sabe, ninguem sabe como é passar os dias pensando em uma forma de provar que não sou tão ruim assim, pensando em qualquer jeito que mostre que eu sou melhor do que pareço , que não sou tão futil, e que sinto mais do que finjo sentir. Mas pessoas não ligam, as pessoas nem mesmo percebem o quanto me magoam com coisas menores do que as que eu faço, mas que magoariam qualquer pessoa que se esforça tanto quanto eu. Eu tô triste comigo mesma, não só por sempre levar as coisas certas pro caminho errado, mas por me maguar com certas coisas que não deveriam me maguar, por querer ter por perto pessoas que não me querem por perto, por acreditar em amizades que nunca existiram..
e não, não seja quem é trancado por quem é trancado é o pior ser que eu já conheci e talvez se sou tão ruim hoje é por culpa dele e do que ele fez, seja quem é você, porque em momento nenhum você teve noção do quanto me esforço pra ser melhor por você, do quanto eu quero ser melhor por você.

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Tempestade

descobri que você realmente gosta de alguém quando o medo de perdê-la faz com tudo seja perdoavel, tudo pareça totalmente pequeno e ridiculo perto do quanto você a quer do seu lado.
agora parece tudo tão pequeno, e quando eu pensava que ia te perder tudo parecia tão grande. Eu não suportaria, definitivamente, eu não podia perder o MELHOR da minha vida por causa daquilo.
O tempo passa devagar quando você não está aqui me beliscando, me cutucando, me imitando, me irritando, o domingo parece tão distante e tão rapido, e quando eu tô com você nada mais importa, até minha fome melhora HUSAUHSA.
Eu nunca tinha chorado tão sinceramente por alguem, e percebi quando não consegui segurar nem na sua frente o choro e virei um panda UASHUSH.
eu tenho tanta coisa pra te dizer, pensei tanto sobre tudo de ontem pra hoje, mas sei que não vou dizer, porque eu sou uma tonta. Talvez você ache com tanta certeza que não te amo porque eu não digo o que acho de verdade das coisas, mas se eu dissesse talvez você fosse muito convencido UHSAU. Só você pra fazer piada até na hora de chorar, pra fazer piada mesmo se eu te desse um não, só você pra me fazer rir nessas horas.
Um dia eu posso até amar outro alguem, e você tambem, é triste, mas infelizmente a gente sabe que é verdade. Mas eu ainda vou tentar te ter pra sempre, apesar de saber que o pra sempre não existe... Mas quando amarmos outro alguém, que não,não vai ser um careca tatuado e melhor que você, porque melhor que você, não tem! bom, quando amarmos um outro alguem sempre lembraremos (espero) de tudo e não com tristeza e sim com felicidade, porque quer pessoas mais felizes que agente? eu nunca me senti tão bem do lado de alguem, nunca arranjei alguem tão tonto *-*
alias, eu vi o 'tonta' escrito na sacola da minha camiseta viu?.-. queria poder te mostrar o quanto eu preciso de você, e você ainda tem a pachorra (uu pericoso) de falar que não preciso de ti pra nada, mas é um idiota mesmo.
sem você pra me deixar mais inteligente (ou menos burra), sem você pra me cutucar, sem você pra me irritar, sem você pra eu fazer cocégas, sem você e seus olhos pra eu ficar olhando, sem você e suas bobeiras, sem você e suas surpresas, sem você e suas implicancias, o que seria de mim? você é tudo que eu sempre quis, de verdade! podia evitar algumas coisas neh mocinho, mas ok, você deve saber o que faz, afinal é idoso já neh?! viveu o bastante pra não repetir as besteiras UHASHUASHUSA
só não me deixa ir?
eu tenho 15 anos, e dai? dani-se eu realmente não to ligando, não quero viver com outras pessoas, não quero ir pra roles e ficar com outros garotos, eu quero você. e como quero, e porque eu iria querer garotos estranhos e emcebados que não são nem um doze avos do que tu é? UHASHUAS
eu num vivo sem você, não vivo sem o david kin, sem o down down, o teletubbies do mal haha HUASHUSAHUAS
Quem me divertiria tanto? quem tentaria me deixar o minimo mais esperta? eu realmente tenho muita sorte, imagina quantas garotas não te desejam sem nem saber o quão bom tu é,e tambem te aquelas(:@) que sabem o quão bom tu é e ficam dando pitisinho no seu forms porque desejam muito ser eu hahá HUASHUSA

eu te amo e não são 'tempestades' que vão fazer isso mudar <3 ----------------------------------------------------------------------------------
Fresno no Grammy! agora meu amor quem não é rock? apesar de eu meio que parar de acreditar em premios, esse é o Gramy, agente tem que levar. mas beleza, acho que como dessa vez não é juri popular temos serias chances. Quando é de juri popular, puf...depois que o Di ganhou do meu Lucas eu ignoro esses premios! UHASUHASUH o fato é tinha como eles estarem mais felizes? é o Gramy porra. Melhor album de rock, e o Lucas disse no tt que sabia que Revanche ia por pra fuder e pá. É logico que ia, mas por enquanto somos só indicados imagina quando ganharmos haha *-* mano, vai ser do caralho, sem mais. meus amores devem estar tão felizes e eu to tão feliz por eles <3